O Efeito da Nandrolona na Saúde dos Ossos

O Efeito da Nandrolona na Saúde dos Ossos

Nas décadas de 70 e 80, o Decanoato de Nandrolona (DN) foi estudado no tratamento de osteoporose, verificando o aumento de massa óssea em diversos sítios (fêmur, coluna vertebral, antebraço), melhora funcional e redução da dor, bem como a redução absoluta do número de fraturas.

Os mecanismos de ação que podem explicar os efeitos positivos são:

1) o aumento da formação de tecido ósseo (via incremento da atividade osteoblástica);

2) redução da reabsorção do tecido ósseo (via redução da atividade osteoclástica); e,

3) aumento de força e massa muscular, permitindo maior tração, impacto ósseo e o consequente estímulo osteoblástico, devido ao potencial aumento da aptidão física e da capacidade de realização de exercícios.

No entanto, apesar do racional fisiopatológico de uso do DN, e também da prévia documentação de efeitos positivos, este uso não é consenso e fica de fora das opções farmacológicas sugeridas por diretrizes de sociedades médicas.

LEIA MAIS: Testosterona: Dr. Lucas Caseri aponta os sinais da baixa do hormônio e explica reposição


Atualmente, são apenas utilizados:

1) agentes anabólicos (PTH / Teriparatide),

2) Anti-reabsortivos (Alendronato, Rezidronato, Ibandronato, Ac Zoledrônico, Denosumabe),

3) Estrógeno (TRH),

4) SERM (Raloxifeno),

Mas, as acima, podem ter efeitos colaterais, e algumas são somente permitidas por tempo determinado.

Surge então espaço para potencial uso do DN, que deveria ser reavaliado, nas perguntas abaixo:

– O que fazer após o tempo de uso máximo do tratamento? ⠀
– Quais opções temos para não ter um tratamento para a vida toda?

– O que fazer quando houver contra indicação de uma terapêutica? ⠀
Dr Lucas Caseri
CRM-SP 117441
Med Esportiva RQE82784
Fisiatria RQE82785

Refs.

– Riggs BL, et al. J Clin Invest 51:1659-1662.
– Need AG, et al. Arch Intern Med 14957-60.
– Hassager C, et al. Maturitas 11: 305-3 17.
– Komm BS, et al. Expert Rev Clin Pharmacol. 2015;8(6):769-84.
– Brazilian guidelines for the diagnosis and treatment of postmenopausal osteoporosis. Rev bras reumatol. 2017;57(S2):S452–S466.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe

Pesquisar

Postagens recentes

Gestrinona e Menopausa: Explorando a Incerteza Androgênica

Desvendando a Testosterona Baixa: Desafios na Menopausa Feminina

A relação entre hormônios e o envelhecimento

A relação entre hormônios e o envelhecimento

Oxandrolona é esteróide de mulher

Oxandrolona é esteróide de mulher?

hipogonadismo masculino

Tratamento do Hipogonadismo: Abordagem Prática

Hipogonadismo e Saúde Hormonal: Um Guia Completo

Hipogonadismo e Saúde Hormonal: Um Guia Completo

logo.png

Digital School Ltda. | Av do Contorno, 5823 sala 1005 - Belo Horizonte MG - Brasil | CNPJ: 32.532.108/0001-11

2024 © lucascaseri.com.br. Todos os Direitos Reservados.